Última atualização:

CAPITÓLIO É UM DESTINO INDICADO PARA CRIANÇAS?

Categorias América do Sul, Viagens em família

 Como foi nossa viagem a Capitólio com crianças

Capitólio, conhecida como ” Mar de Minas”, é o destino da vez e tem  atraído turistas de todo Brasil ávidos por trilhas, cachoeiras ou por aqueles que querem apenas bons momentos de tranquilidade e lazer junto com a família. Situada a  apenas 280 km de Belo Horizonte, Capitólio é banhada pelas águas da represa de Furnas  que formam imensos lagos verde esmeralda  emoldurados por cânions com mais de 20 metros de altura. Resultado:  paisagens de tirar o fôlego!
Em outubro de 2017, na semana das crianças, resolvemos conhecer Capitólio que sempre fez sucesso entre os mineiros da região mas agora, virou febre nacional.
NOSSOS PASSEIOS:
Mirante dos Cânions
O Mirante dos Cânions é a paisagem mais famosa da região e merece o destaque. Realmente é lindo mas, é preciso muito cuidado ao visitá-lo, principalmente com os pequenos. O acesso a ele se dá através da Rodovia MG 050, sentido Capitólio – Passos .Não há sinalização no local indicando o mirante portanto, uma  dica é observar um recuo na pista com vários carros parados pelo acostamento quando chegar próximo ao Km 312. Atravesse a rodovia com muita atenção: é um lugar muito movimentado entre duas curvas e não há redutor de velocidade nem passarela para pedestres. Desça uma pequena trilha (baixo grau de dificuldade)  onde você terá essa vista maravilhosa.

Canion de furnas www.viagemeintercambioemfamilia.wordpress.com
O famoso Cânion do Lago de Furnas

IMG_0034.jpg

 Todo cuidado aqui: a vista é belíssima e muita gente se acumula ao mesmo tempo em busca do melhor ângulo para a foto e não há  nenhuma grade de proteção ao redor do cânion.Facilmente podem ocorrer acidentes e isso é última coisa que queremos em uma viagem, não é mesmo?
Cachoeira da Filó:
​Poucos quilômetros à frente, ainda na MG 050, está a Cachoeira da Filó, uma delícia de lugar para se refrescar do calor. Para chegar até ela é necessário descer uma trilha muito íngreme de terra e pedras.   Use alçados apropriados ou evite-a, caso você tenha alguma dificuldade de locomoção. Não é cobrada taxa para visitar o local.  Havia várias famílias no local fazendo piquenique, churrasco e curtindo a natureza, mas não há área destinada a esse tipo de lazer, era tudo muito improvisado.  Essa é uma boa opção para quem está com crianças por haver lugares mais rasos e não ser necessário andar em pedras escorregadias até chegar próximo a água.  A dificuldade, nessa cachoeira, seria só a trilha que é muito íngreme apesar de ser bem pequena, poucos metros. Reserve um horário do seu passeio (manhã ou tarde) só para relaxar escutando a água cair e  vendo o tempo passar.
Paraíso Perdido:
Outra opção passeio na região é o Paraíso Perdido. Trata-se de uma propriedade particular com boa infraestrutura para turista como estacionamento, restaurante ( simples) , banheiros e área para churrasco, além de guias orientando o caminho pelas trilhas e cachoeiras. Com 18 piscinas naturais e diversas quedas d’água, dá para passar o dia explorando as diferentes cachoeiras e se deliciando  na água cristalina da região.  Você pagará uma taxa para entrar na propriedade ,em torno de R$40,00 por pessoa, sendo que crianças até 12 anos não pagam.
Apesar da boa estrutura do local, achamos aqui um pouco mais perigoso para crianças uma vez que, para explorar as belezas do Paraíso Perdido você  terá que caminhar por várias corredeiras e quedas d’água.  É inevitável ter que passar sobre pedras bastante escorregadias o que, vez ou outra, pode acarretar algum acidente.  Vale ressaltar que a trilha é bem sinalizada e além dos monitores espalhados pela trilha, há uma corda presa ao longo de todo o paredão onde as pessoas podem se segurar para percorrer o caminho.
         ​
Mas, se cachoeiras e trilhas não lhe atraem muito que tal explorar o  Lago de Furnas? Afinal, trata-se da maior extensão de água do Estado de Minas Gerais e de um dos maiores lagos artificiais do mundo; o verdadeiro paraíso para quem gosta de esportes náuticos. Há várias opções de passeio como lancha, chalana ou escuna. A maioria deles sai da Ponte do Rio Turvo  e dura aproximadamente 2 horas.  Aqui vai outra observação de segurança: esse local também fica às margens da rodovia com muita gente atravessando a todo momento e sem  sinalização adequada. Além disso, para chegar até as lanchas é preciso descer um pequeno morro todo de pedras soltas com apenas uma corda pra você se apoiar.
img_0069-e1511546627786.jpg
Descida para pegar a lancha
Optamos pelo passeio de lancha cuja média de preço é de R$70,00 por pessoa. Esse tour te levará a diferentes locais  com quedas d’água e paradas para mergulho. Caso esteja indo em feriado ou alta temporada tente reservar esse passeio para o seu primeiro dia na cidade pois, caso haja algum imprevisto, você ainda terá outros dias para realizá-lo.  Olha o que aconteceu conosco!
Reservamos e pagamos antecipado um passeio de 6 horas para o nosso último dia em Capitólio. No dia do passeio, todo mundo super animado, com todos os apetrechos para curtimos um dia de sol maravilhoso e ……. o piloto liga dizendo que a hélice da lancha havia quebrado. Frustração total! Isso eram 10 horas da manhã e ficamos até por volta das 13:00 hs andando pela cidade procurando outra lancha, pegando referências e telefones para tentarmos fazer o passeio. Por ser feriado, todas as lanchas estavam lotadas. A única disponível não cabia toda família. Voltamos para casa e já havíamos conformado que não seria possível fazer o passeio quando conseguimos um passeio de 2 horas, a partir das 16:30 hs . Não era o que queríamos mas, melhor que nada.
Apesar de ter sido muito rápido e já no final da tarde aproveitamos bastante. As crianças se divertiram com o passeio de lancha e adoraram nadar no lago ( todos com coletes salva vidas, claro) e ver o cânion, agora ,pelo ângulo oposto ao que viram no primeiro dia.  Um dia que teve motivos para ser frustante acabou sendo fechado com chave de ouro e um belo pôr do sol.
Dicas e observações:
1) O turismo em Capitólio está passando por um “boom” inesperado e, com isso, alguns lugares não possuem, ainda, a estrutura adequada para receber turistas. Claro que um destino direcionado  ao chamado ecoturismo não tem o mesmo conforto que um resort mas, consideramos que alguns ajustes básicos em relação à segurança dos visitantes são imprescindíveis.
2) Sim, Capitólio é um destino indicado para crianças desde que todos estabeleçam e sigam as regras de segurança indispensáveis para esse tipo de destino. Além disso, é necessário que os adultos responsáveis  pelas crianças estejam dispostos a redobrar a atenção e muitas vezes limitar seus próprios passeios em função do bem estar de todos.
3) Apesar de Capitólio ser pequena , tem bons supermercados para aqueles que vão para lá alugando casa para temporada. Os produtos seguem mais ou menos a faixa de preço dos supermercados de Belo Horizonte. Detalhe importante: na cidade só tem agência do  Banco Bradesco e Sicoob Credicapi.
4) Entre Belo Horizonte e Capitólio você passará por 4 pedágios a R$5,10.
5)  Levar calçados aquáticos para as crianças ( ou algum que seja antiderrapante e que ela possa usar na água).  Além de prevenir tombos, elas não irão machucar os pés ao entrar nos poços de água que possuem muitas pedras no fundo.
6) Caso vá alugar uma lancha por mais que duas horas, leve bebidas e petiscos. Isso evitará contratempos com as crianças e deixará a turminha mais animada e os pais mais tranquilos. Não se esqueça das toalhas e protetor solar!
7) Existem diversas outras trilhas e cachoeiras na cidade mas, nosso passeio se resumiu aos lugares citados acima. Excelente desculpa para retornar mais vezes à cidade e explorar as outras belezas do lugar. Para maiores informações sobre atrações em Capitólio acesse aqui .
8)  No mais, leve sua câmera fotográfica, uma boa dose de espírito aventureiro  e prepare-se para  curtir momentos deliciosos e  paisagens magníficas !   Bom passeio!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *